Tretas
project name

Tretas

TRETAS [Portugal] LÉRIAS ASSOCIAÇÃO CULTURAL  ‘O Gaiteiro

description

TRETAS [Portugal]

LÉRIAS ASSOCIAÇÃO CULTURAL

 ‘O Gaiteiro e os Lobos’

26 de Maio, às 21h30, Centro Cultural de S. Geraldo

27 de Maio, às 21h30, no GUSS, São Cristóvão

CE | M/6

Duração | 45’

 

Numa aldeia, como em muitas outras aldeias, um misterioso desaparecimento provoca um reboliço de diz que disse, e transforma-se num prenúncio de adivinhações e de uma típica alhada, tendo um pastor como figura central.

 

FICHA ARTÍSTICA

Companhia |TRETAS – Teatro Rural e Experimental em Terreiros, Auditórios e Salões

Actores | Pedro Almeida, Miguel Schreck e Rita Melo

Cenografia | Pedro Almeida e Miguel Schreck

Texto | TRETAS – adaptação de uma lenda tradicional

Encenação | TRETAS

 

TRETAS & Lérias – Associação Cultural

A Lérias – Associação Cultural, foi fundada em Junho de 2008, perspectivando o apoio da prática artística e pedagógica aliada ao desenvolvimento da cultura tradicional. Sediada na aldeia de Palaçoulo, concelho de Miranda do Douro, integra diversas actividades.

O grupo de teatro da Lérias – TRETAS – pretende trazer as artes performativas ao planalto. Inspirados em lendas de trasgos, marimantas e outros seres do imaginário português em geral e do mirandês em particular, criam e recriam histórias que nos transportam para um misto de quotidiano, tradição e imaginação.

Este é um grupo multifacetado que se apresenta em animações de rua (“Os Trolhas”; “O Pescador, o Caçador, o Cão e a Lebre”; “A Família” e “Os Poetas da Pinga”) e em palco, quer seja com adaptações de textos (“Fronteira” de Miguel Torga e “Sebastião voltou!” de Nuno Markl) ou com peças originais (“O Gaiteiro e os Lobos”; “L Tamborileiro de la Pruôba” e “O Pai Natal e o Super Gaiteiro”).

O grupo, responsável também pela cenografia, emprega na concepção das suas peças técnicas e conhecimentos multidisciplinares, tais como a música, a dança e a utilização de fantoches, sombras chinesas e marionetas.

Para lá da dimensão performativa, o grupo tem uma componente pedagógica, que se materializa em duas dimensões: aulas de expressão dramática e artes performativas; e a encenação de textos incluídos nos programas curriculares das escolas nacionais.